Este e-commerce é gerenciado e mantido sob responsabilidade de Fermentarium Empório da Fermentação, situada na cidade de São Paulo, sob CNPJ 35.777.321/0001-81 e I.E: 128.265.301.116. A Fermentarium é uma iniciativa da Companhia dos Fermentados.

O site foi desenvolvido seguindo os padrões internacionais de segurança de dados e todas as informações são transitadas via criptografia SSL 256 bit e você poderá conferir a idoneidade do nosso certificado clicando no cadeado verde ao lado da barra de endereços do seu navegador.

Nós possuímos atendimento telefone, virtual (e-mail, WhatsApp) com equipe qualificada e pronta para resolver qualquer problema ou dúvidas que você tenha. Caso queira, você poderá a qualquer momento ligar em nossos telefone e solicitar contato diretamente com os sócios proprietários da empresa.

Com mais de 5 anos de experiência de vendas online e mais de 10.000 (dez mil) pedidos atendidos, contamos com seguro de todos os pacotes e experiência para resolver qualquer problema que possa vir a ter.

Se seu pacote quebrar durante o transporte, imediatamente nos comunique que iremos tomar as devidas providências com a empresa de transporte e sem maiores prejuízos, iremos reenviar seu pacote sem custo algum.

Todos os produtos que comercializamos são aptos para transporte e armazenamento em temperatura ambiente. Com mais de 10 anos de pesquisa, a Companhia dos Fermentados desenvolveu produtos que são estáveis em temperatura ambiente pelo término da fermentação e não são utilizados técnicas de pasteurização, conservantes ou químicos para isso. É feito da forma que era antigamente.

Eventualmente, caso tenha algum problema de quebra ou vazamento de garrafas no transporte, iremos reenviar os produtos sem custo algum.

Seguindo os padrões de produção, a cultura e a bebida sempre estarão em meio ácido, pH abaixo de 4,5, que é o que garante a segurança alimentar da bebida. Organismos patogênicos não sobrevivem nesta faixa de acidez.

Durante o processo de fermentação do kombucha, devido a presença de açúcares e leveduras, sempre haverá a formação de álcool. Assim, quanto mais açúcar, até mesmo de frutas, tiver na composição, maiores serão as chances de apresentar teor alcoólico superior a 0,5%. Porém, na cultura de organismos de kombucha, contamos com bactérias que se alimentam de álcool e faz a transformação do álcool em ácido acético, originando o sabor levemente avinagrado do kombucha.

Quando a fermentação acontece de forma controlada, é possível prever o quanto de álcool será gerado e assim, dirigir o processo fermentativo para que todo (ou quase todo) álcool seja transformado em ácido acético garantindo que o teor fique abaixo de 0,5%. Sempre pergunte ao produtor qual o teor alcoólico do kombucha produzido.

Não. Durante todo o processo fermentativo, todo o açúcar que for adicionado, inclusive de frutas, irão se transformar em componentes que trarão as características da bebida, inclusive, muito gás carbônico. Assim, quanto mais doce for o kombucha, mais gás será gerado.

Estamos trabalhando intensamente na orientação aos produtores para controlem suas fermentações, mas ainda existem casos de problemas e isso sempre deve ser comunicado ao produtor.

O kombucha é uma alternativa saudável e natural a outras opções existentes de bebidas. Legalmente não é considerado probiótico, remédio ou curativo pois não há comprovações de estudos brasileiros científicos sobre a eficácia do consumo.

Ainda tem dúvidas?

Nos escreva que retornaremos com respostas 🙂